Especialistas da Uerj apresentam propostas para o Rio no pós-pandemia

08/04/202014:38

Diretoria de Comunicação da UERJ

O Fórum Permanente de Desenvolvimento Estratégico do Estado do Rio de Janeiro, criado pela Assembleia Legislativa (Alerj), iniciou uma série de painéis on-line reunindo especialistas para discutir propostas alternativas para o período pós-pandemia. Como uma das instituições participantes, a Uerj tem contribuído com o debate sobre o tema.

Os painéis têm o intuito de reunir diferentes visões sobre o momento, que possam subsidiar a definição de políticas públicas e projetos de lei voltados ao desenvolvimento estratégico do Estado. Todas as discussões podem ser conferidas no site do Fórum.  

Professor da Faculdade de Engenharia da Uerj, o engenheiro civil sanitarista Adacto Ottoni participou recentemente, comentando sobre a importância do planejamento das cidades para barrar futuras pandemias. No Painel I: “Avaliação do Impacto Econômico do Novo Coronavirus no Estado do Rio de Janeiro”, ele e outros especialistas apresentaram saídas para enfrentar a crise. Professor Adacto também vai contribuir em futuras discussões sobre a crise hídrica.

“As soluções sustentáveis têm de ter viabilidade econômica e, em geral, são as mais baratas. Infelizmente, não existe vontade política no Brasil para resolver o problema do saneamento e outros que afligem a população e o meio ambiente”, avalia.

Já Bruno Sobral, professor da Faculdade de Ciências Econômicas e coordenador da Rede Pró-Rio/Uerj, participou do segundo encontro que promoveu uma análise do cenário mundial e as oportunidades para o Estado, os desafios de reestruturação da gestão e propostas de ação a curto prazo. “Se a gravidade traz a memória da depressão da década de 1930, é fundamental reorientar nossa trajetória econômica”, destaca. Confira o segundo painel.