Reitoria emite Nota de Esclarecimento à comunidade universitária

14/03/202022:53

Diretoria de Comunicação da UERJ

Comunidade Uerjiana,

Neste momento de mobilização no combate ao coronavírus, é preciso cuidado para não disseminar fake news e pânico.

A nota da reitoria que suspendeu as atividades acadêmicas por 15 dias não fez qualquer discriminação entre os segmentos da Uerj.

A Universidade vem administrando a grave situação a partir das recomendações da Comissão de Acompanhamento da Progressão do Coronavírus no Âmbito da Uerj e das determinações das autoridades sanitárias e administrativas, de forma coordenada com várias instituições do Estado, como UFRJ, UENF e UEZO, que tomaram medidas semelhantes.

As providências adotadas, que neste momento são preventivas, não tratam de segmentos, mas de rotinas. A suspensão das atividades acadêmicas é medida imediata destinada a reduzir drasticamente o número de pessoas em nossos campi, conforme determinado pelo Decreto n. 46.970, de 13 de março de 2020.

Quanto às atividades administrativas desempenhadas por docentes, técnicos e terceirizados, deverão também, já a partir de segunda-feira, receber o tratamento adequado à manutenção apenas das atividades essenciais. Como é sabido por todos, a simples suspensão das atividades administrativas, sem o devido cuidado, deixaria sem pagamento todos os servidores, docentes ou técnicos, bem como os terceirizados, além de paralisar nossas unidades de saúde, indispensáveis ao enfrentamento da crise.

Nos termos da legislação veiculada no final da tarde de sexta-feira, no início da semana serão definidos procedimentos aplicáveis a todos os segmentos da Uerj, baseados na adoção do trabalho remoto como regra, e na atividade presencial apenas para o que for indispensável à manutenção dos serviços essenciais.

Neste momento, temos que nos manter coesos para a defesa da saúde de todos e para a preservação dos nossos compromissos com a população do Estado do Rio de Janeiro, razão de ser de nossa existência institucional. Por este motivo, é preciso cuidado com a disseminação de informações inverídicas que levem à propagação de pânico no âmbito de nossa comunidade.

Temos a certeza que, mantida a coesão, venceremos mais essa crise.

Rio de Janeiro, 14 de março de 2020.

Ricardo Lodi Ribeiro

Reitor da Uerj