Atenção: Uerj prorroga suspensão de atividades não essenciais por mais 15 dias

11/03/202018:40

Diretoria de Comunicação da UERJ

Acesse essa notícia regularmente para manter-se atualizado sobre os procedimentos internos da Uerj. Última atualização em 30 de março de 2020.

Seguindo as recomendações das autoridades sanitárias e as medidas do Governo do Estado do Rio de Janeiro, conforme Decreto nº 47.006, publicado no Diário Oficial de hoje, a Reitoria prorrogou a suspensão das atividades acadêmicas e administrativas não essenciais por mais 15 dias.

Com o objetivo de proteger a comunidade universitária e contribuir para conter a propagação do novo coronavírus (Covid-19), alunos, servidores técnicos-administrativos e docentes, bem como terceirizados, devem permanecer em suas residências. Continuam sendo executadas presencialmente, e em esquema de rodízio, apenas as atividades administrativas consideradas essenciais e que não possam ser realizadas por meio remoto, conforme já descrito no AEDA 013

Acompanhe novas orientações pelos canais de comunicação oficiais da Uerj.

Confira o documento na íntegra: AEDA-021/REITORIA /2020  

 

ORIENTAÇÕES ANTERIORES:

Uerj define critérios de funcionamento para atividades essenciais (18/03/2020)

Diante dos desdobramentos da pandemia de coronavírus (Covid-19) e com o intuito de proteger a comunidade universitária, garantindo, ao mesmo tempo, o apoio necessário às suas unidades de saúde, a Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj) definiu os critérios de funcionamento para as atividades consideradas essenciais.

Conforme disposto no Ato Executivo de Decisão Administrativa 013, as aulas e demais atividades acadêmicas estão suspensas por 15 dias, assim como as atividades administrativas não essenciais. Alunos, servidores técnicos-administrativos e docentes, bem como terceirizados, devem permanecer em suas residências e acompanhar as novas orientações pelos canais oficiais da Uerj. Somente poderão ser executadas presencialmente, e em esquema de rodízio, as atividades administrativas consideradas essenciais e que não possam ser realizadas por meio remoto.

No documento, são consideradas como essenciais as atividades voltadas: ao atendimento de saúde; à gestão de pagamentos a servidores, bolsistas e contratos de manutenção; às compras na área de saúde; à liberação das autorizações e transferências orçamentárias relativas às atividades essenciais; à comunicação com a sociedade e a comunidade interna sobre a conjuntura de saúde atual; à manutenção e suporte na área de TI; ao cumprimento de decisões judiciais e atendimentos a processos eletrônicos; ao atendimento pela Ouvidoria das demandas vinculadas aos serviços essenciais; à limpeza e segurança dos campi universitários.

Quanto aos prazos referentes a determinados procedimentos acadêmicos e administrativos, a Pró-reitoria de Graduação informa que estão igualmente suspensos e serão redefinidos na normalização das atividades, conforme a CI PR-1 106 e a CI PR-1 112.

Desta forma, ficam suspensos os prazos inicialmente divulgados relacionados a: Solicitação de Alteração de Inscrição em Disciplinas (Said); 2ª e 3ª reclassificações e 2º e 3º remanejamentos do Vestibular 2020; diplomação; e indicação ao Cetreina de novos bolsistas de Monitoria, Estágio Interno Complementar e Iniciação à Docência.

Leia os documentos na íntegra:

– AEDA 013 

– CI PR-1 106

CI PR-1 112

Com essas medidas, a Uerj concentra todos os seus esforços para cumprir o seu compromisso com a assistência à saúde da população fluminense e, ao mesmo tempo, protege a sua comunidade universitária.

Assista ao vídeo em que o reitor Ricardo Lodi recomenda que todos permaneçam em suas casas, atendendo às determinações das autoridades de saúde.

 

Uerj suspende aulas e atividades acadêmicas por 15 dias (13/03/2020)

Além das medidas preventivas de enfrentamento da pandemia de coronavírus já anunciadas, a Universidade do Estado do Rio de Janeiro, conforme recomendação da Comissão de Acompanhamento da Progressão do Coronavírus no Âmbito da Uerj e determinação do Governo do Estado, decide suspender por 15 dias, a partir de 16 de março de 2020, todas as modalidades de aulas e demais atividades acadêmicas.

Será garantido o funcionamento do Hospital Universitário Pedro Ernesto (Hupe) e da Policlínica Piquet Carneiro (PPC).

Por ora, as atividades administrativas ficam mantidas, recomendando-se às unidades acadêmicas e administrativas especial cautela quanto aos seus profissionais pertencentes aos atuais grupos de risco: idosos maiores de 60 anos, imunossuprimidos, gestantes, nutrizes e portadores de doenças crônicas descompensadas.

A Reitoria e a Comissão de Acompanhamento da Progressão do Coronavírus no Âmbito da Uerj permanecem atentas à evolução do quadro, às recomendações das autoridades sanitárias e às medidas administrativas do Estado, prontas para o anúncio de novas providências que se fizerem necessárias.

Rio de Janeiro, 13 de março de 2020.

Reitoria da Uerj 

 

Medidas de Contingência atualizadas (13/03/2020)

A Uerj criou uma comissão para definir protocolos de ação em relação ao coronavírus. O grupo, coordenado pela Vice-reitoria e formado por profissionais das áreas de Saúde, Educação e Comunicação, vai se reunir periodicamente, a fim de monitorar o avanço da doença no Estado do Rio de Janeiro, detectar precocemente qualquer caso suspeito nos campi e manter a comunidade acadêmica informada.

A Comissão de Acompanhamento da Progressão do Coronavírus no Âmbito da Uerj recomendou as seguintes medidas, que foram homologadas pela Reitoria.

MEDIDAS DE CONTINGÊNCIA DA COVID-19 INDICADAS NO ÂMBITO DA UERJ

 A Universidade do Estado do Rio de Janeiro (Uerj), comprometida com o bem-estar de sua comunidade, vem estabelecer as seguintes medidas preventivas no enfrentamento da pandemia de Covid-19, na atual conjuntura.

Determinações para a comunidade universitária em geral:

  • As viagens não essenciais de docentes, alunos e técnicos-administrativos deverão ser canceladas;
  • Os eventos acadêmicos, científicos, administrativos, culturais e artísticos, tais como shows, exposições, aulas inaugurais, solenidades de posse e homenagens, estão suspensos;
  • A ventilação natural em detrimento do uso de ar condicionado nas salas e ambientes universitários deverá ser adotada sempre que possível;
  • A lavagem frequente das mãos com água e sabão deverá ser incorporada às práticas diárias e recomenda-se a higienização com uso de álcool em gel 70%;
  • Mantenha-se informado por meio dos canais de comunicação oficiais da Uerj, evitando alarmismos e a disseminação de fake news.

Determinações para quem retornou de viagem:

  • Se o indivíduo estiver assintomático, manter quarentena domiciliar de sete dias. Haverá um formulário on-line disponibilizado em breve, que deverá ser preenchido e enviado, sendo a documentação comprobatória (bilhete aéreo ou outro documento que comprove a viagem) entregue ao fim da quarentena na sua unidade;
  • Caso a pessoa apresente sintomas, a recomendação é manter quarentena domiciliar de 14 dias e dirigir-se a uma unidade de saúde imediatamente. Haverá um formulário on-line disponibilizado em breve, que deverá ser preenchido e enviado. Ao fim da quarentena, os alunos deverão apresentar a documentação comprobatória (bilhete aéreo ou outro documento que comprove a viagem, mais atestado médico ou exame médico) na sua unidade acadêmica. Já os servidores, ao fim da quarentena, deverão agendar perícia médica no Dessaúde presencialmente ou pelo telefone 2334-0187 e, na data agendada, apresentar a documentação comprobatória (atestado médico, AIM e outros necessários).

Determinações para quem teve contato com casos confirmados, prováveis ou suspeitos:

  • Se o indivíduo estiver assintomático, a recomendação é manter quarentena domiciliar de 14 dias. Haverá um formulário on-line disponibilizado em breve, que deverá ser preenchido e enviado, sendo a documentação comprobatória (atestado médico da pessoa com quem teve contato) entregue ao fim da quarentena na sua unidade.
  • Caso a pessoa apresente sintomas, a recomendação é manter quarentena domiciliar de 14 dias. Haverá um formulário on-line disponibilizado em breve, que deverá ser preenchido e enviado, sendo a documentação comprobatória (atestado médico da pessoa com quem teve contato) entregue ao fim da quarentena na sua unidade. Ao fim da quarentena, os alunos deverão apresentar a documentação comprobatória (atestado médico ou exame médico) na sua unidade acadêmica. Já os servidores, ao fim da quarentena, deverão agendar perícia médica no Dessaúde presencialmente ou pelo telefone 2334-0187 e, na data agendada, apresentar a documentação comprobatória (atestado médico, AIM e outros necessários).

Tais medidas entram em vigor na data de hoje e serão atualizadas de acordo com as orientações dos órgãos de saúde e a avaliação da Comissão de Acompanhamento da Progressão do Coronavírus no Âmbito da Uerj.

Rio de Janeiro, 13 de março de 2020.

Aprovado pela Comissão de Acompanhamento da Progressão do Coronavírus no Âmbito da Uerj e homologado pela Reitoria.

 

Treinamento e leitos isolados no Hupe (11/03/2020)

O Hospital Universitário Pedro Ernesto traçou estratégias para avaliação e assistência de pacientes com suspeita da doença. A unidade não dispõe de emergência, mas aqueles que chegarem encaminhados pelas unidades básicas de saúde passarão por triagem no plantão geral, logo na entrada do prédio. Se houver necessidade de internação, cinco leitos isolados já estão prontos: três quartos, um no CTI e um materno-infantil – destinado especialmente a mulheres grávidas. Outros 12 leitos estão sendo preparados.

A equipe vem sendo treinada para identificar critérios clínicos (sintomas como febre, tosse e dificuldade para respirar) e epidemiológicos (histórico de viagem para área com transmissão local ou contato com caso suspeito). Além disso, cartazes sobre formas de se evitar o contágio foram espalhados em toda a unidade. Para garantir a assepsia das mãos, foram adquiridos 850 frascos de álcool-gel 70%.

 

Informação é o melhor remédio (11/03/2020)

Além de se prevenir contra o novo coronavírus, é necessário se proteger também das fake news. E a melhor forma para isso é buscando informações de fontes confiáveis.

O Ministério da Saúde desenvolveu um site e um aplicativo para celular (Android e IOS) com todas as informações sobre o novo coronavírus. Nas duas plataformas, você pode tirar dúvidas e ter acesso a um vasto material, como: notícias, cartilhas, vídeos e artes para compartilhar com amigos nas redes sociais.

Separamos algumas orientações para você, mas não deixe de acessar o site e baixar o aplicativo disponível gratuitamente no GooglePlay e na AppStore. Você também pode tirar dúvidas pelo Disque Saúde, ligando para o número 136.

                            

 

Orientações básicas  

 

Acompanhe as orientações da médica do Hospital Universitário Pedro Ernesto, Anna Caryna Cabral, e previna-se.