Novo aparelho para dosagem rápida de PSA traz mais eficiência ao diagnóstico de doenças relacionadas à próstata

24/11/202117:25

Diretoria de Comunicação da UERJ

O diagnóstico precoce faz a diferença e salva vidas. Neste Novembro Azul, o Serviço de Urologia do Hospital Universitário Pedro Ernesto (Hupe) da Uerj reforça o alerta, apostando na tecnologia a favor da saúde. A equipe começou a usar um novo aparelho de detecção de PSA (Antígeno Prostático Específico) que apresenta um benefício a mais: a obtenção de resultados em instantes. A testagem deste antígeno indica se há ou não alterações na próstata, sinalizando casos de prostatite, hipertrofia benigna ou câncer. A resposta imediata do novo aparelho já foi testada no evento Semana da Saúde da Baixada Fluminense, no início de novembro, realizado em Nova Iguaçu. A ideia agora é aplicar a novidade no Hupe e na Policlínica Piquet Carneiro (PPC).

O equipamento, que vai gerar impactos significativos no atendimento aos pacientes, é fruto de uma parceria envolvendo a disciplina de Urologia da Faculdade de Ciências Médicas (FCM), o Centro de Atenção à Saúde do Homem, da PPC, e a empresa farmacêutica AstraZeneca. “Este aparelho vai ser empregado para fazer screening (rastreamento) de câncer de próstata na população masculina que nos procura. Somos um dos quatro centros no Brasil que foram selecionados pela AstraZeneca para esta parceria, o que é um grande reconhecimento ao nosso trabalho. Já temos dez anos de atuação em prol da Saúde do Homem no estado do Rio de Janeiro”, explica o professor de Urologia e chefe do Setor de Andrologia do Hupe, João Luiz Schiavini. Além do aparelho, todo o material de apoio para a logística de funcionamento desta tecnologia está sendo fornecido pela AstraZeneca. O Hupe cede a equipe técnica necessária.

O chefe clínico do Serviço de Urologia do Hupe e também professor da FCM, Celso Lara, lembra que muitos pacientes com queixas de origem prostática, que realizam exames preventivos, são atendidos diariamente na Saúde do Homem. Este público precisa fazer a dosagem do PSA na investigação diagnóstica. “Então, com a introdução desse novo aparelho de dosagem rápida, o resultado será obtido em minutos, o que facilitará a orientação aos pacientes, bem como agilizará seu atendimento”, ressalta o médico. 

Cuidado constante

Apesar da agilidade do teste, o professor titular de Urologia da Uerj e diretor geral do Hupe, Ronaldo Damião, reforça que o check-up periódico é uma das estratégias mais importantes para que o diagnóstico faça a diferença. “É essencial que o homem visite anualmente o urologista e, além do acompanhamento médico, insira hábitos saudáveis em sua rotina, como a realização de exercícios físicos e o consumo de uma alimentação equilibrada”, afirma. 

Estudos apontam que uma dieta rica em frutas, verduras, legumes, grãos e cereais integrais, com menos gordura, pode ajudar a diminuir o risco de câncer. “É preciso deixar o preconceito de lado e se cuidar. Se você quer ter a oportunidade de ver seus netos crescerem e se formarem, é preciso atentar para sua saúde, alimentação, estilo de vida e garantir a longevidade”, reforça Ronaldo Damião.

Centro específico para a saúde do homem 

Para incentivar o diagnóstico e o tratamento das doenças tipicamente masculinas, tais como o câncer de próstata, foi criado o Centro de Atenção à Saúde de Homem, que funciona na PPC (Av. Marechal Rondon, 381, São Francisco Xavier), em parceria com o Hupe. Os pacientes chegam ao Centro pelo Sistema Estadual de Regulação (SER), através de encaminhamento de Clínicas da Família, Centros Municipais e Postos de Saúde.

(Por Coordenadoria de Comunicação Social do Hupe/ComHupe)