Arte pela inclusão LGBTQIA+: Núcleo de Estudos da Saúde do Adolescente ganha mural de RafaMon

12/07/202117:04

Diretoria de Comunicação da UERJ

 

O Núcleo de Estudos em Saúde do Adolescente (Nesa) da Uerj ganhou novas cores, com a arte da muralista RafaMon. O desenho que agora aviva uma das paredes da unidade tem como objetivo trazer identificação, representatividade e respeito aos pacientes LGBTQIA+ atendidos no espaço. A inauguração aconteceu nesta segunda-feira (12), como uma grande surpresa a todos os jovens que frequentam o local, que fica ao lado do Hospital Universitário Pedro Ernesto (Hupe).

A ideia partiu do médico Felipe Fortes, responsável pelo programa Aquarela, que pensa a saúde de jovens transgêneros e não-binários. Para ele, um ambiente vibrante pode oferecer conforto aos pacientes. “Um dos preceitos de um bom acolhimento é um espaço físico bem cuidado e amigável, que dialoga com a potência dos adolescentes. Isso faz com que eles se sintam mais respeitados e fortalece o vínculo com o atendimento prestado”, afirma.

O convite a RafaMon para realizar o grafite se deu devido ao ativismo da artista junto à juventude LGBTQIA+. Por ser mãe de uma criança não-binária, tenta expressar em seus trabalhos o orgulho de pertencimento. Com uma obra esteticamente muito colorida, contemporânea e juvenil, a expectativa é que o resultado agrade a todos os frequentadores do local. 

“Eu escolhi esse desenho porque ele representa um adolescente trans e eu quero que todas as pessoas que frequentam esse lugar tenham mais acolhimento e se sintam representadas ali na parede. A arte é um caminho para enfrentar os preconceitos, ela abre o olhar das pessoas para se informarem e ficarem mais dispostas ao diálogo”, disse a artista, após cerca de três horas de dedicação à obra.

De acordo com Fortes, a opção por um corredor de uso comum visou a levar a mensagem ao maior público possível. “Acho muito importante que seja em um espaço frequentado também por pessoas que não sejam LGBTQIA+, pois isso fala sobre o respeito à diversidade que todos nós devemos ter, sobre o respeito às individualidades do outro”, explica o coordenador.

Conheça o Nesa

Inaugurado em 1974, o Núcleo de Estudos em Saúde do Adolescente (Nesa) presta assistência multidisciplinar a jovens de 12 a 18 anos. Com uma equipe composta por médicos, assistentes sociais, enfermeiros, psicólogos, entre outros profissionais da área da saúde, atende de maneira integral, em média, 700 pacientes, que são encaminhados pelo Sistema Único de Saúde (SUS) e pela pediatria do Hupe.

O espaço conta com diversos projetos de extensão, como o Programa de prevenção à obesidade na adolescência; o Programa de combate à violência familiar; e o Aquarela, que por ser uma inovação na rede de atendimento básico de saúde do Brasil, aceita novos pacientes por demanda espontânea. A unidade fica localizada no Boulevard 28 de Setembro, 109 – fundos, Vila Isabel. Saiba mais: http://www.nesa.uerj.br/

Confira, na reportagem da TV Uerj, como foi a produção do painel na manhã da última sexta, 9 de julho.