Exposição conta seis décadas do CAp-UERJ atuando na formação de crianças e adolescentes

16/11/201813:45

Diretoria de Comunicação da UERJ

Mostra conta com registros fotográficos, vídeos, objetos históricos e trabalhos feitos por estudantes e docentes

As seis décadas do Instituto de Aplicação Fernando Rodrigues da Silveira (CAp-UERJ) estão sendo contadas na exposição “CAp-UERJ: 6 décadas – registros e memórias”. A mostra conta com registros fotográficos, vídeos, diversos objetos e trabalhos feitos por estudantes e docentes da instituição ao longo da sua história. A visitação é gratuita na Galeria Gustavo Schnoor, no Centro Cultural da UERJ (campus Maracanã).

Coordenadora do projeto, a professora do CAp, Andrea Fernandes, explica que o trabalho de curadoria da exposição vem sendo feito desde 2012. De lá pra cá, foram digitalizadas cerca de 13 mil fotos, incluindo as primeira imagens registrada no Instituto, na década de 50.

“A história de uma instituição dessa importância para a educação fluminense e brasileira precisava estar disponível para além dos muros do CAp. Com essa montagem, temos uma boa oportunidade para mostrar isso para as comunidades interna e externa. É uma enorme emoção contribuir para essa memória que vem caminhando e resistindo junto com a UERJ”, disse Andrea.

A exposição vai até o dia 14 de dezembro, com horário de visitação das 10h às 19h (de 2ª a 6ª feira). Para mais informações: www.facebook.com/capuerjoficial.