Galeria de Reitores

Professor Charley Fayal de Lyra
1984 / 1988

Natural do Pará, o dentista e professor exerceu o cargo de diretor das Faculdades de Odontologia da UERJ e da UFRJ. Durante a sua gestão como reitor, foram criados a função de monitor, o Centro de Treinamento de Alunos – CETREINA e a Sala de Exposições Cândido Portinari. Exerceu ainda os cargos de presidente da Academia Brasileira de Odontologia e do Conselho Regional de Odontologia do Rio de Janeiro.

Professor João Salim Miguel
1981 / 1984

Físico, ingressou no Instituto de Física no dia 1º de março de 1950. Foi seu vice-diretor no período de 1971 a 1976, assumindo em seguida a direção por quatro anos. Também exerceu a função de diretor do Centro de Ciência e Tecnologia de dezembro de 1978 a fevereiro de 1980. Ocupou a vice-reitoria entre 1980 e 1981, antes de se tornar Reitor.

Professor Ney Cidade Palmeiro
1980 / 1981

Desembargador, professor e diretor da antiga Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da então Universidade do Distrito Federal. Na sua gestão foi criada a Sub-reitoria de Pós-Graduação e Pesquisa (SR2). Também foi homenageado com o seu nome atribuído ao anfi teatro do Hospital Universitário Pedro Ernesto. Foi presidente do Botafogo de 1964 a 1967.

Professor Caio Tácito
1976/ 1980

Professor catedrático de Direito Administrativo e professor emérito da UERJ, exerceu as funções de diretor da Faculdade de Direito, diretor do Centro de Ciências Sociais, sub-reitor e vice-reitor. Ocupou os cargos de consultor geral da República, subchefe do Gabinete Civil da Presidência da República, juiz do Tribunal Regional do Estado da Guanabara, conselheiro do Conselho Federal de Educação e desembargador do Tribunal de Justiça do Estado do Rio de Janeiro.

Professor Oscar Accioly Tenório
1972 / 1976

Nascido em Alagoas, formou-se em Direito. Foi promotor público, juiz, desembargador, professor, presidente da Associação dos Magistrados Brasileiros e da União Internacional dos Magistrados, sediada em Túnis, na Tunísia, tendo sido o primeiro jurista de fora da Europa a ocupar esse cargo. De 1967 a 1971 foi vice-reitor da então Universidade do Estado da Guanabara, para a qual foi indicado reitor em 1972.

Professor João Lyra Filho
1967 / 1972

Natural da Paraíba, formou-se em Direito e foi poeta, escritor, advogado, jornalista, economista, administrador e ministro do Tribunal de Contas. Em sua gestão como reitor foram iniciadas as obras de construção do campus Francisco Negrão de Lima (Maracanã). Foi membro da Academia Carioca de Letras.